Curiosidades sobre o perfume e dicas para escolher sua fragrância


Amadeirados, florais, doces e suaves, o perfume é uma marca registrada que deixamos sobre nós, nas pessoas dos nossos arredores. Criado no Antigo Egito, eles são uma mistura de óleos, essências, álcool e água, que na época, eram utilizados como um poder de sedução entre os Faraós, únicos que poderiam usar, até então. Além disso, eles também eram importantíssimos no processo de mumificação dos corpos. Todo bom perfume possui três notas, que são um método de classificação e análise das fragrâncias. Eles são únicos e exclusivos, pois cada um deles possui ingredientes e combinações diferentes, que proporcionam uma personalidade distinta e própria.

Tipos de notas dos perfumes

Notas de Saída: são as notas efêmeras, ou seja, as passageiras, de curta duração. 15 ou 30 minutos são o suficiente para que as primeiras partículas do perfume sejam evaporadas e para que deixemos de sentí-los. Depois desse curto espaço de tempo, ele dá espaço às notas de coração, que como o próprio nome diz, são as notas que evidenciam a essência do perfume.

Notas de Coração: leva um pouco mais de tempo para ser percebida, mas é a mais forte, pois costumam durar de três a quatro horas, variando de acordo com o ingrediente e a diversidade de cada pele.

Notas de Fundo: começa a ser percebida depois de quatro ou cinco horas após a aplicação. É responsável por predominar os aromas de longa duração, fazendo com que dure pra mais de oito horas, e em alguns casos, até o dia seguinte. Essas são as notas que fazem com que a essência mude de uma pessoa para a outra, pois leva em consideração a  natureza de cada pele.

Entender os tipos de perfumes também é um processo importante para escolher a essência ideal para cada ocasião, clima e pele. As fragrâncias são separadas por família e, depois de conhecê-las, é fácil identificar apenas pelo cheiro.

Famílias de fragrâncias

Cítricos: compostas por limão, laranja, maçã verde e muitas outras;

Frutal: compostas por toranja, maçã, kiwi e morango;

Floral: atua como essência base para as outras famílias;

Chipre: fragrância forte, constituída por musgo de carvalho, pachuli e bergamota;

Oriental: composta por baunilha, essências balsâmicas e resinóides (resina);

Herbáceos: composta por alecrim, tomilho, lavanda e demais especiarias;

Amadeirados: composta por sândalo (árvore com madeira perfumada) e pachuli, que proporcionam calidez e cedro e vetiver, que são frescos.

Para não errar no momento de escolher o perfume que vai usar, existem algumas regrinhas básicas que devem ser seguidas. É importante considerar o tipo da fragrância para o clima, período e ocasião.

Como não errar na escolha do perfume

Escolhendo perfume

A primeira e principal regra é: não misture dois ou mais perfumes! Diferentes essências ao se mesclarem, pode dar um resultado totalmente oposto ao esperado. Tenha sabedoria ao escolher o perfume correto para os dias mais quentes e para os dias mais frios. Os cítricos e florais são mais indicados para o verão, e os amadeirados e doces, para o inverno. Para o dia, prefira as fragrâncias mais leves e discretas. Já para a noite, aposte nas essências fortes e marcantes.

Outra regra que serve como uma dica preciosa é saber que o local do corpo ideal para espirrar o perfume é nos pontos de pulsação, como pescoço e pulso. Isso porque nesses locais, as veias ficam bem mais perto da pele, fazendo com que a região seja mais quente. Quanto mais quente, melhor o perfume penetra e emite o cheiro.

O post Curiosidades sobre o perfume e dicas para escolher sua fragrância apareceu primeiro em Guia Estilo Masculino.



Source link

قالب وردپرس

Leave a Reply